segunda-feira, 21 de setembro de 2009

voltando a normalidade

Voltei ao batente hoje. Como a situação permite me concentrar em outras coisas além do bem estar da Silvana e o pessoal precisa sempre de mais alguém nos postos, decidi voltar ao trabalho.

Mas isso não invalida os nossos boletins diários.

Ontem foi um dia de descanso, apenas uma sessão de fisioterapia, o Nuno ficou voando entre minha casa e a casa de um amigo harleyro que mora aqui no prédio e tem um pequeno da mesma idade, o Rodrigo, e as visitas familiares foram bem poucas.

Mas nem assim ela deixou de esforçar-se. Fez uma auto-sessão de fisioterapia, conseguindo se levantar apenas com o apoio do próprio braço (apenas pelo lado direito porque o esquerdo ainda está limitado pela dor na clavícula) e com a força das próprias pernas (estamos apenas servindo de guia para manter o equilíbrio e colocando-a com os pés bem apoiados no chão).

Vem se movimentando bastante pelo quarto (da cama para a poltrona e vice-versa), fazendo sempre as refeições na poltrona e apresentando alguma evolução motora no uso do quadril (o equilíbrio aumenta muito com isso).

Já não parece estar usando uma bota de ferro que a faz pisar com o pé de uma vez só e vem caprichando nos movimentos do pé (primeiro a ponta do pé, depois apoia o pé e finalmente firma o calcanhar) demonstrando um caminhar bem normal. Coloca um pé na frente do outro e vai se movimentando muito bem.

Toma banho sempre no chuveiro e acho que em breve estará à mesa para as refeições.

Está na labuta e se empenhando muito em conseguir os movimentos do quadril para ser ver livre do cateterismo.

E hoje foi um prosseguimento do domingo: muita fisioterapia (duas sessões novamente) mostrando desembaraço nos movimentos, mas ainda com pouca massa muscular, o que a mantém dependente da ajuda da enfermagem. De toda a forma já saiu do quarto e chegou na sala, voltando em seguida.

Ela se mostra tão motivada que pretendo alugar a cadeira de rodas amanhã ou depois para que ela já possa se sentar a mesa para as refeições.

Eu recebi várias indicações de profissionais que podem fazer o cateterismo noturno, e desde já agradeço a todos, mas vamos manter a enfermagem enquanto ela se sentir mais confortável com isso. Acho que o esquema de plantão de enfermagem não vai durar muito mais tempo e como não espero que a bexiga volte junto com o final da necessidade da enfermagem (tomara que esteja errado mais uma vez) farei contato com os profissionais indicados.

A rotina dela continua se ajustando (banho, curativo, fisioterapia, eventual coleta de material para exame laboratorial em casa e visitas dos médicos em casa) e acredito que em breve poderemos nos organizar para começar a gastar o tempo livre dela recebendo os amigos.

A todos que tem demonstrado a solidariedade e paciência com esse ajuste, os meus agradecimentos e o tradicional pedido para não deixarmos a corrente afrouxar. Sei que ainda falta muito tempo para a fisioterapia ter o efeito que desejamos, mas os resultados estão vindo e por isso não vamos abandonar a nossa torcida por ela.

2 comentários:

Simone disse...

Que emoção vê-la se recuperar... Que Deus continue a abençoa-la e que ela esforçada como é, estará cada dia melhor... Bjs e saudades!!

Clédia disse...

Adelino!! Continuo firme daqui mantendo a corrente positiva!!! Força amiga!!! Estamos torcendo por vc. a cada dia mais!!!

Clédia