domingo, 7 de julho de 2013

preparativos para uma viagem longa: você se lembra de você mesmo?

Muitos colegas se programam para viajar durante dias, fazendo um trajeto com muitos quilômetros. Férias acertadas, moto revisada, bagagem separada e arrumada, gps (será?), som escolhido e equipamento para encarar o que aparecer na estrada (casaco, bota, luva, capacete, roupa de chuva, segunda pele e etc.).

Tudo muito bom, mas você tem condição de ficar em cima da moto por dias inteiros? Qual a sua real condição física para fazer uma viagem longa?

Já vi muita gente chegando quebrada depois de 500 kms e fico imaginando esse mesmo cara no final de sete dias fazendo 500 kms/dia. Não aguenta. Em algum momento a fadiga e as dores no corpo vão cobrar um preço pelo estresse que o corpo foi submetido.

E se você vai, tem de voltar. Ou vai fazer o que com a moto? Contratar o "coxex"?

Prepare-se para encarar a estrada de forma adequada: procure estar em forma física para aturar a mesma posição por longo período, planeje paradas em intervalos regulares para descanso e comer/beber alguma coisa. É mais importante chegar bem que chegar cedo. Garanto que vale a pena estar em boas condições para aproveitar a noite conversando e vendo o que tem de novidade do que chegar e se "internar" no hotel para tentar encarar a "maratona" do dia seguinte.

Outra sugestão: não se superestime. Se você achar que não aguenta, procure outra solução para participar do passeio. Não atrapalhe o passeio de seus amigos simplesmente porque não quis dar o braço a torcer. Melhor aguentar as brincadeiras, mas participar delas.

Eu mesmo estou planejando uma viagem para o evento de Milwaukee, mas os recentes acontecimentos que passei (há coisa de uma semana estava internado passando mal) deixaram a minha saúde pouco confiável. Irei de carro com a Silvana e vou contar com a boa vontade dos amigos para me deixarem tirar uma "casquinha" das motos deles. Silvana se sente mais a vontade comigo no carro, eu me sinto melhor por não criar uma possibilidade de atrasar o passeio e vamos participar da mesma maneira: comemorar é sempre bom, mas comemorar se divertindo é muito melhor.

Um comentário:

Wilson Roque disse...

Minha experiência em viagens longas recomenda uma boa preparação física antes e exercícios diários de alongamento durante a viagem. Nas paradas para abastecimento, fazer alongamentos dirigidos paras pernas, ombros e costa. No verão, comer pelo menos duas bananas diariamente, para repor o potássio.