quinta-feira, 6 de maio de 2010

Uma verdadeira luz no fim do tunel

No último fim de semana eu pretendia ir ao encontro anual do FHD, mas acabei viajando com a Silvana e o Nuno para a casa de amigos em São Paulo.

Foi nossa primeira viagem mais longa e para a Silvana serviu como uma confirmação de que tudo está voltando à normalidade.

É certo que ainda está fazendo fisioterapia, que existe alguma falta de sensibilidade, mas nada disso impediu que pudessemos ter um fim de semana tranquilo e muito alegre com amigos.

A viagem de mais de três horas era um desafio para quem fica incomodada com longas permanências sentada por conta da cirurgia delicada que foi feita no sacro, mas passamos muito bem pelo teste de longa duração.

Conviver com o Nuno, brincando, correndo e até mesmo andando de bote em um lago foi muito prazeiroso e dá uma sensação de volta a normalidade.

A Silvana hoje se mostra bem mais forte, com mais mobilidade e independência. Sofre ainda com alguma rigidez e precisa de ajuda com escadas, mas até mesmo uma longa caminhada conseguiu fazer.

Hoje, a minha querida Silvana já pode dizer que deu a volta por cima e que a recuperação corre da melhor maneira possível (ela diz que é muito lenta, mas para quem olha no calendário e a vê hoje em dia lembrando do acidente não consegue acreditar que tudo isso transcorreu em menos de nove meses).

O milagre se operou graças a grande solidariedade que todos dedicam a nossa família.

Como não consigo expressar melhor, saibam que sou um grande devedor nessa corrente que nos envolveu. Obrigado mais uma vez e vou dando notícias conforme elas aparecem porque hoje em dia a longa estrada fica cada vez mais curta.

A luz que víamos há algum tempo atrás não era um trem na nossa direção... é mesmo o fim do tunel.

4 comentários:

Lincoln disse...

Wolfmann,
Acompanhei os fatos desde o início. Aqui de Portugal torci e ainda torço muito por vcs. Meus parabéns a vc pela demonstração de amor à Silvana. Meus parabéns à Silvana pela força, pela garra. E parabéns a todos pela corrente...situações como essa, embora difíceis, levam-nos a acreditar no ser humano!
Lincoln Filocre

Eduardo disse...

Força Tchê!

[]´s Eduardo
FXD '08

Anônimo disse...

Grande Adelino!!!

Que alegria ler notícias como essas!! :o))

Manda um beijo para a Silvana!

Andre

Anônimo disse...

Silvana e Adelino,
Tenho certeza que uma corrente positiva conta muito, mas sendo vc uma guerreira de primeira e tendo ao lado um companheiro que "chega junto" segurando na mão e enfrentando a correnteza juntos, definitivamente faz a diferença!
Desejo além de muita saúde é claro, que a união e a força de vcs permaneça por longos e felizes anos e que ela sirva de inspiração e exemplo pra muitos!
Com carinho e admiração.
Valéria e Luciana