segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Ecos do campeonato de marcha lenta

O principal evento que ocorreu neste fim de semana foi o campeonato de marcha lenta realizado no Batalhão de Guardas em São Cristóvão.

Evento promovido pelo Black Hog, aglutinou proprietários de HDs de todas as idades e grupos.

O evento começou com uma concentração de quase cem motos no Parque dos Patins para serem escoltadas por batedores do BG até o batalhão. Já participei de muitos trens grandes e é sempre uma satisfação ver o deslocamento de um grupo grande em formação.

Chegando no BG, tivemos um cerimõnia de hasteamento da bandeira brasileira ao som da banda do BG, uma demostração excelente de controle e conjunto dos batedores do BG e, por conta da ansiedade em conhecer o que era uma prova de marcha lenta, iniciou-se o campeonato.

Para quem não conhece o que vem a ser uma prova de marcha lenta, é uma demonstração de habilidade no controle de uma HD em baixa (baixíssima) velocidade. Os competidores alinham para largar e devem percorrer uma distância em linha reta de cerca 50 metros no maior tempo possível.

Para conseguir isso os competidores podem usar toda a sua habilidade em manter a motocicleta parada sem tirar os pés da pedaleira ou levantar do banco. Aquele que não largar junto com os demais ("queimar a largada") ou tirar o pé da pedaleira ou levantar-se do banco é desclassificado.

Foram organizadas diversas categorias (Touring, softail/RK, Sporstster/Dyna, Ladies e Absoluta). A categoria com mais disputantes foi a softail/RK onde se realizaram 4 baterias para chegar ao campeão, mas eu diria que a categoria mais bem disputada foi a das Ladies onde as competidoras mostraram muita perícia e homogeneidade.

Outra fato que chamou a atenção foi a categoria Sportster/Dyna disputada quase que totalmente por foristas do FHD demonstrando que os proprietários de Sportster tem um espaço cativo no FHD.

Além dessas, tivemos também uma categoria reunindo apenas os batedores do BG e suas RK Police.

A categoria absoluta reuniu todos os campeões das categorias anteriores para termos o grande campeão do domingo.

Os vencedores das categorias foram: Toecutter na categoria Sportster/Dyna, Jaiminho na categoria softail, Valéria Aranha na categoria Ladies e Marcelo Melodia na categoria Touring. Infelizmente não sei o nome do batedor que ganhou a categoria destinada a eles.

Jaiminho foi o campeão na categoria absoluta disputando até o final com Valéria Aranha, que acabou se desconcentrando bem perto do final e colocou o pé no chão.

Após a premiação, os batedores escoltaram o grupo até o monumento dos Pracinhas no Aterro para a foto oficial.

Parabéns ao Black Hog pelo evento, que transcorreu em total clima de confraternização entre todos, apesar da tensão reinante na cidade do Rio de Janeiro, prestes a ver a tomada do Complexo do Alemão pelas autoridades policiais.

É um evento para ser repetido.

Um comentário:

Wilson Roque disse...

Este é o tipo de evento que gostaria de participar. Fiquei preocupado com o exito, devido aos acontecimentos policiais/militares na cidade. Fico feliz em saber que tudo correu como planejado.